Urgente: Indisponibilidade S@T 06/01/2018 e 07/01/2018

Conforme aviso da SEFAZ SP haverá uma instabilidade na transmissão dos cupons SAT nos dias 06/01/2018 e 07/01/2018, contudo, a instabilidade não impactará no uso do sistema, porém os cupons serão enviados para a SEFAZ SP somente após o fim da instabilidade, programada para o dia 08/01/2017.

Dicas para redução de custos!

  1. Organização no setor de Compras– Muitas empresas encontram dificuldade para explorar o potencial da área de Compras. Manter processos de aquisição bem planejados é uma das formas para reduzir consideravelmente os gastos. Também levamos em conta todas as aquisições recorrentes, os novos itens a serem comprados e incluir os projetos nesta conta.

 

  1. Classifique os gastos– É importante absorver todas as informações depois de estruturar os processos. Com os dados atualizados fixados, você consegue avaliar, por exemplo, onde é possível cortar gastos ou vale investir para obter um estoque de qualidade a longo prazo.

 

  1. Empregue um software adequado– Se você ainda não faz uso de um software para auxilia com a estruturação dos processos, não espere mais. Esta é uma consideração que o ajudará a economizar com transações futuras e, por isso, seu retorno será percebido rapidamente. Há muitas ferramentas que podem ajudá-lo, dê preferência para aquelas que exigirão pouca, ou nenhuma, dedicação de tempo da sua equipe interna. Bons softwares, além de tornar os processos mais hábeis e escaláveis, desoneram as equipes de compras. Os compradores podem focar, assim, em atitudes mais estratégicas para sua empresa, sem a necessidade dos trabalhos manuais.

 

  1. Selecione fornecedores com atenção– Além de priorizar fornecedores com os melhores prazos, é indispensável ficar atento à qualidade dos produtos e/ou serviços e o cumprimento das datas de entrega para não gerar problemas posteriores, tais como interrupção no fornecimento ou prejuízos econômicos. Na hora de escolher, outras condições devem ser analisadas, como saúde financeira, respeito às pessoas e ao meio ambiente, as normas da ISO, cobertura geográfica e a referência de outros clientes. Sabendo que nem sempre vale a pena trocar o fornecedor atual e homologado, quando pode-se tentar a renegociação do contrato vigente.

 

  1. Conduza os resultados– Devemos sempre analisar os resultados das negociações e o desempenho do setor de compras. É necessário para que haja correção de falhas e o aprimoramento dos procedimentos. É importante ter em mente que o setor de compras envolve processos de ciclos contínuos, que devem ser constantemente aperfeiçoados e analisados de perto.

 

Gestão de Estoques

Visando gestão de estoques em um contexto industrial, nos referimos à gestão de recursos materiais, que ajudam na organização e consequentemente gerará uma receita no futuro.

 

Gestão de estoques é importante?

Empresas que são voltadas para produção de bens dependem muito de um estoque bem organizado, por inúmeras razões, uma empresa com um bom sistema de gerenciamento de estoque só tende a crescer, toda empresa depende da produção e essa não sobrevive sem um gerenciamento de controle de estoques.

Na matéria de hoje citamos algumas razões para ter um bom sistema de gestão de estoques:

Atendimento ao mercado

A procura por produtos e serviços não é a mesma durante todo o ano, um exemplo é o mercado da moda, que tem uma demanda muito sazonal, cada estação exige um tipo diferente de roupas. Um estoque bem planejado, permite que a empresa se adeque as necessidades de seus clientes, e sabemos que a chave para aumentar a receita é o atendimento integral da demanda.

Continuidade

Uma gestão cautelosa permite que a empresa execute operações sem problemas, com continuidade. Uma fábrica de produtos que dependem de matérias-primas , tem que ter um bom estoque de matérias-primas, evitando assim contratempos.

Economia

Um sistema bem administrado, permite o corte de custos, um bom exemplo é quando chegam as épocas de festas, e a empresa espera um aumento na procura de determinados produtos, ela pode adquirir mercadorias em quantidade com antecedência, negociar preços e armazená-las para a temporada, consequentemente a empresa vai atender toda a demanda e quando se compra em quantidade com planejamento conseguimos mais descontos.

Princípios da gestão de estoque

Previsão de vendas

Ser capaz de se organizar e conseguir prever quais bens e produtos vendem mais em determinadas épocas do ano. Toda empresa deve manter um sistema de inventário com base nas vendas, reais e previstas.

Monitoramento:

Um estoque monitorado resulta na exatidão da quantidade em estoque. A empresa deve ter esse controle em qualquer ponto específico no tempo.

Armazém:

Um armazém em boas condições mantém o estoque organizado e evita que haja desperdício, o que só colabora para o aumentos de receitas.

A Gestão de controle de estoques é um desafio para as empresas, mesmo antes que uma empresa comece suas vendas, seu lucro ou prejuízo pode ser atribuído ao gerenciamento de seu estoque.